Altamontra por Messenger

Listagem de Viaturas

VER MAIS
Ferrari
488 Pista
2019
721 Cv
Gasolina
100 KM
"THE ULTIMATE DRIVING EXPERIENCE"
"The Ferrari 488 Pista is powered by the most powerful V8 engine in the Maranello marque’s history and is the company’s special series sports
car with the highest level yet of technological transfer from racing"
"Um superdesportivo homologado para o dia-a-dia, mas com prestações de carro de corrida"
FERRARI 488 PISTA equipado com motor 3.9 V8 sobrealimentado, que fornece 720 cv e uns impressionantes 770 Nm de binário, logo às
3.000 rpm, caixa de velocidades, com dupla embraiagem e sete velocidades.
Fruto da experiência conquistada, várias soluções foram importadas da competição para o Ferrari 488 Pista. Da Fórmula 1 veio a inspiração,
na frente, para umas condutas em “S” e os difusores, que caracterizam-se por um ângulo em rampa — otimizado em circuito para o 488 GTE
— que ajudam a criar uma forte sucção incrementando o downforce. Na traseira, o spoiler encontra-se numa posição mais elevada e é mais
comprido, com a forma devidamente otimizada. Todas as intervenções operadas na aerodinâmica do Ferrari 488 Pista resultaram num
incremento de 20% do valor de downforce quando comparado com o 488 GTB. Naturalmente, também o chassis não ficou incólume. Com o
objetivo de tornar a performance dinâmica do carro no limite mais fácil de alcançar e controlar, a Ferrari equipou o 488 Pista com a mais
recente versão do Side-Slip Angle Control (SSC 6.0). Este integra os sistemas E-Diff3, F1-Trac, suspensão com amortecedores
magnetoreológicos (SCM) e em estreia absoluta o Ferrari Dynamic Enhancer (FDE) — trata-se de um software capaz de gerir e ajustar a
pressão do sistema de travagem nas pinças.
https://youtu.be/2DojB6qIcL0
Sob.Consulta
VER MAIS
Porsche
Cayenne 3.0 V6 - Nacional
2018
340 Cv
Gasolina
30.000 KM
Porsche Cayenne 3.0 V6 Nacional com 340 Cv em Estado de Novo.

Jantes RS Spyder de 21” | Caixa Tiptronic S de 8 velocidades com Patilhas Selectoras no volante |

Suspensão pneumática com auto-nivelamento, ajuste da altura e Porsche Active Suspension Management (PASM)

Porsche Dynamic Chassis Control (PDCC) | Direção Assistida Plus | Keyless Go | Teto de abrir panorâmico |

Pacote Sport Chrono incluindo seletor de modos | Faróis principais com luzes de cruzamento, estrada e diurnas de 4 pontos em LED |

Porsche Dynamic Light System (PDLS) com ajuste dinâmico do alcance, luzes de curva estáticas e dinâmicas |

Interior em pele Integral Preto | Bancos dianteiros Comfort elétricos (14 vias) com Pacote de memória Aquecidos e Ventilados |

Airbags laterais traseiros | Vidros privacy, atérmicos e insonorizantes | ParkAssist (à frente e atrás) incluindo câmara 360 |

Espelhos retrovisores com antiencandeamento automático e Rebatíveis Electricamente | Assistente de manutenção na faixa |

Leitor de sinais de trânsito | Ionizador | Iluminação ambiente | Interface audio e controlos por voz | Radio Digital |

Porsche Communication Management (PCM) com módulo de navegação online | Sistema de som Bose |

Apple® CarPlay | Módulo de telefone LTE com leitor de cartão SIM | Acesso à internet por wifi |

Porsche Car Connect | Quatro conexões de carga USB |

Histórico Completo de Manutenções.
80.900 €
VER MAIS
Porsche
Boxster Spyder
2011
320 Cv
Gasolina
15.000 KM
Com um peso de apenas 1.275 Kg, o Boxster Spyder é o veículo mais leve de toda a gama Porsche. Claramente reconhecível desde o primeiro momento, este novo roadster com motor central representa a essência e as formas mais puristas dos desportivos Porsche: ligeiro, potente, plenamente aberto e muito eficiente. Esta é a fórmula que já antes se aplicou com êxito ao criar os Porsche desportivos de série e os veículos de competição mais admirados, começando pelo lendário 550 Spyder e terminando no actual e bem sucedido RS Spyder. O Boxster Spyder continua com essa filosofia plenamente homologada para circular na estrada, e desta forma tornar realidade os desejos expressados pelos clientes da Porsche. O novo membro da família Boxster destaca-se à primeira vista das outras versões do Porsche roadster com motor central. Isto deve-se ao facto do Boxster Spyder ter sido concebido e desenvolvido para ser conduzido a céu aberto. A sua simples e leve capota, que se dobra manualmente em toda a sua extensão, serve exclusivamente para proteger o condutor e o passageiro do sol, vento e outros factores meteorológicos. Quando o veículo está fechado, a capota, juntamente com as janelas laterais e o portão traseiro de uma só peça formam uma elegante silhueta que recorda as linhas do Carrera GT. O Boxster Spyder incorpora um motor de seis cilindros e 3.4 litros com injecção directa de combustível, que está situado à frente do eixo traseiro. A sua potência máxima é de 320 CV.
99.900 €
VER MAIS
Porsche
356 B Coupé Super 90
1964
90 Cv
Gasolina
80.000 KM
"No início da década de 60, a Porsche começava a produção do Type 356B, desenvolvimento natural do Type 356, apresentado em 1949. Com o novo modelo, as exigências de fabrico eram revistas. Dos cerca de 1.250 trabalhadores da marca alemã, um em cada cinco estavam dedicados à validação da qualidade dos produtos, num esforço de manter intacta a reputação da Porsche no fabrico de carros desportivos de qualidade. A versão 356B apresentada tinha como principais melhorias a substituição de peças herdadas do VW Carocha, enquanto duas novas empresas entravam para a lista de fornecedores de carroçarias. A empresa Wilhelm Karmann GmbH, em Osnabruck, ficava responsável pela carroçaria coupé com hardtop, enquanto a Belgian Anciens Etablissements D'Ieteren era encarregue de fabricar a carroçaria Roadster do novo Type 356. O Porsche 356B apresentava diferenças ao nível da carroçaria, faróis elevados, indicadores de mudança de direcção redesenhados, com novas alhetas de refrigeração, novos pára-choques, colocados mais acima na carroçaria e novas luzes de matrícula, dispostas no pára-choques traseiro. A transmissão era melhorada com os mais recentes sincronizadores Porsche na caixa de velocidades Type 741, enquanto a suspensão traseira recebia, das versões mais potentes, uma mola de lâmina colocada transversalmente, com pivot à saída do diferencial, de modo a compensar os movimentos das rodas. Os travões de tambor eram redesenhados, com novas barbatanas transversais, de modo a aumentar a refrigeração do sistema em andamento. A grande novidade era a apresentação de uma nova versão do motor boxer de quatro cilindros, com 1,6 litros de capacidade, debitando 90 CV de potência Em 1961 o Porsche 356B voltava a sofrer modificações, quer a nível mecânico, quer a nível de carroçaria, devido à já tradicional política de actualização da marca. Conhecido internamente como “T6”, o modelo apresentava na sua versão coupé um óculo traseiro de maiores dimensões, a tampa do compartimento do motor ganhava mais uma grelha de refrigeração, passando a duas, e uma tampa da bagageira, de forma mais rectangular. O depósito de combustível passava a ser mais baixo, aumentando a capacidade de carga da mala e o bocal de enchimento ficou escondido por baixo de uma portinhola no lado direito. No interior, a ventilação era melhorada com a adição de flaps reguláveis, os bancos da frente recebiam novas guias e, na versão coupé, uma presilha era adicionada de modo a manter as costas dos bancos na posição direita. O motor do limpa-vidros passava a ter um permutador de velocidade, sendo que o reservatório de água via a sua capacidade aumentada".
105.900 €